30.4 C
Taboão da Serra
sábado, outubro 23, 2021
Início Economia Faz sentido a Apple vender o iPhone sem o carregador?

Faz sentido a Apple vender o iPhone sem o carregador?

Enquanto a Apple exaltava seu novo iPhone com 5G no evento de lançamento da versão número 12, o pessoal no Brasil estava discutindo o fato de que a empresa agora vai vender o iPhone sem carregador e fone de ouvido. Nas lojas online oficiais da Apple, no Brasil, as versões XR e o iPhone 11 já estão sendo vendidas sem os dois acessórios. Mas faz algum sentido? Ecologicamente, justificativa da empresa, o argumento da Apple faz sentido. Ao não incluir os dois acessórios, o tamanho da caixa cai pela metade. Isso significa menos espaço nos palettes de transporte, menos caminhões na rua, menos poluição. A empresa inclusive diz que fez uma pesquisa que mostra que as pessoas já possuem carregadores e podem reaproveitá-los. Isso significa que toda a cadeia de produção será afetada. Mas o problema da Apple é que a empresa não presta todas as informações, já que sequer os resultados da tal pesquisa foram disponibilizados. Assim, muitos consumidores ficam na dúvida se a empresa está preocupada com o meio ambiente ou em vender separadamente acessórios e ganhar mais dinheiro com isso.

Na loja oficial da Apple, o iPhone 11 mais barato custa 5.699 reais. Para comprar o carregador lá se vão mais 219 reais. Não é nada, não é nada, é quase 4% a mais de dinheiro só para comprar o carregador. É o dobro do que a taxa Selic está rendendo no ano. Botou o fone de ouvido no carrinho? Mais 219 reais. O iPhone 11 aqui no Brasil, na loja oficial, está mais caro que o 12 recém lançado nos Estados Unidos. Ao dólar de hoje, o iPhone 12 mais barato sai numa loja americana por 3.893 reais. No Brasil, o valor do novo iPhone só será conhecido quando for lançado para a venda, o que a empresa diz que será “em breve”. No varejão online, os preços das versões 11 e XR dos iPhones estão bem mais em conta do que na loja oficial da Apple. Mesmo o carregador é possível encontrar por cerca de 40 reais. Para quem ficou na dúvida, o cabo de energia que conecta o iPhone com o carregador continuará sendo vendido junto com o telefone. 

- Advertisment -

Mais notícias

Oito cidades da Grande SP adiam aplicação da dose de reforço contra a Covid-19 após impasse sobre marca da vacina

Motivo é a divergência entre os governos federal e estadual sobre qual imunizante deve ser aplicado como terceira...

Oito cidades da Grande SP mantêm vacinação contra Covid-19 no feriado da Independência

Barueri, Embu das Artes, Francisco Morato, Guararema, Itaquaquecetuba, Santana de Parnaíba, Santo André e São Caetano do Sul...

Vias da cidade de SP e rodovias registram congestionamento na véspera do feriado de 7 de Setembro

A Artesp prevê cerca de 5,1 milhões de veículos nas principais estradas que passam pela capital paulista. Trânsito...

Princesa das tintas, conheça a Syrah

A uva Syrah é tida como uma das castas mais antigas que existem. Marco Antonio Carbonari explica que,...