27.9 C
Taboão da Serra
sábado, outubro 23, 2021
Início Brasil Luciano Hang vira ‘capitão Brasil’, boneco patriota vendido na Havan

Luciano Hang vira ‘capitão Brasil’, boneco patriota vendido na Havan

Às vésperas do Dia das Crianças, algumas filiais da Havan passaram a vender o “Capitão Brasil”, um boneco com o rosto de Luciano Hang, dono da marca de lojas, vestindo uma fantasia nacionalista anteriormente usada por ele em alguns eventos e transmissões ao vivo. A ideia foi de Kiko Smitas, presidente da empresa de fantasias e brinquedos Sulamericana, que também é a responsável pela criação da fantasia verde e amarela do empresário. Para Smitas, a criação do boneco patriota foi uma forma de resgatar nas crianças o amor pela bandeira do Brasil. “Hoje está fazendo sentido realmente ter uma gama [desses brinquedos] para fazer com que as crianças se aproximem desse lado que está faltando, do patriotismo, para criar, de certa forma, um movimento no futuro de enaltecer o nosso país, a nossa bandeira”, explica.

Smitas explica que o brinquedo, feito em vinil, tem como diferencial um componente nas pernas que o transforma em um “hug toy”, permitindo que ele fique preso em superfícies como monitores, roupas, ou até mesmo em um crachá. A princípio, o boneco, criado para elencar o rol de super-heróis fabricados pela Sulamericana (que contam com licenciamento para criação de bonecos como Batman e os Vingadores) é comercializado por R$ 14,99. “Resolvemos homenagear o Capitão Brasil na figura do Luciano inserindo ele nessa ‘Liga da Justiça’, como a gente chamou”, lembra Kiko.

Boneco foi criado após criação de fantasia nacionalista por parte da Sulamericana Fantasias

Com a popularização do boneco em posts nas redes sociais, uma das preocupações da marca é com a possível pirataria dele, um problema apontado como crescente no Brasil pelo dono da Sulamericana. “Todos os produtos que são demandados, são produtos que a pirataria corre para fazer, e como eles não dependem de permissão, acabam lançando antes o produto, tendo uma concorrência desleal. Isso acaba prejudicando muito o licenciamento”, afirma. Até o momento, o boneco patriota é comercializado exclusivamente pela Havan.

Por meio da assessoria de imprensa, o marketing da Havan afirmou que a venda dos bonecos foi uma “ação pontual” criada para ver a receptividade do produto no mercado. Até o momento, segundo a marca, a “carreta patriota” foi o brinquedo mais vendido da série nacionalista veiculada na Havan. Ela não é do mesmo fabricante do boneco. Nem todas as lojas do Brasil tiveram o super-herói disponibilizado.

- Advertisment -

Mais notícias

Oito cidades da Grande SP adiam aplicação da dose de reforço contra a Covid-19 após impasse sobre marca da vacina

Motivo é a divergência entre os governos federal e estadual sobre qual imunizante deve ser aplicado como terceira...

Oito cidades da Grande SP mantêm vacinação contra Covid-19 no feriado da Independência

Barueri, Embu das Artes, Francisco Morato, Guararema, Itaquaquecetuba, Santana de Parnaíba, Santo André e São Caetano do Sul...

Vias da cidade de SP e rodovias registram congestionamento na véspera do feriado de 7 de Setembro

A Artesp prevê cerca de 5,1 milhões de veículos nas principais estradas que passam pela capital paulista. Trânsito...

Princesa das tintas, conheça a Syrah

A uva Syrah é tida como uma das castas mais antigas que existem. Marco Antonio Carbonari explica que,...