19.3 C
Taboão da Serra
sexta-feira, abril 16, 2021
Início Taboão da Serra Exclusivo: Buscarini fala com a Coluna Em Off e revela os bastidores...

Exclusivo: Buscarini fala com a Coluna Em Off e revela os bastidores da sua saída

 

Vapt-Vupt
Jogo rápido antes de começar a coluna. A última Em Off não teve parte 2 como prometido. É que depois do tsunami gerado com a ida de Bogalho para os braços de Ney Santos, tudo mudou, as notas que já estavam prontas ficaram mais desatualizadas do que a camisa do tetra que o Santos fez antes do desastre no Maracanã. Mas, vida que segue.

Fala, vice
Buscarini deu uma longa e exclusiva entrevista para o Portal O Taboanense na manhã deste sábado. Sincero, sem medir palavras, o vice-prefeito explicou a Coluna Em Off os motivos que o levaram a “romper” com Aprígio. E a questão vai muito mais afundo do que a aproximação do governo com Ney Santos.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Fala, vice 2
Buscarini se recusou a dar diversas entrevistas, preferiu o silêncio após sua decisão. Não que precisasse de tempo pra pensar, o rompimento já vinha maturando há semanas. “Algumas decisões me deixaram muito chateado, desde o começo, quando sentei com Aprígio para conversar pela primeira vez, disse que aceitaria ser vice, mas que participaria do governo, das decisões mais importantes, mas não foi isso que aconteceu”, disse.

Fala, vice 3
Buscarini também cita algumas decisões que o chatearam. “A gente foi eleito com o discurso de mudança, de reconstrução. Mas até agora [a administração] usou as mesmas práticas do governo anterior, que nós tanto criticamos e queríamos mudar. Não consigo ver isso e me calar, ainda dá tempo de mudar, de corrigir, mas precisa ser agora”.

Fala, vice 4
Sobre a aproximação do governo Aprígio com o prefeito de Embu das Artes, Ney Santos, Buscarini disse ser “totalmente” contrário. “Não tenho nada contra esse moço, não o conheço, só vi ele duas vezes na vida, mas não quero nenhum contato com ele. A gente não precisa. Quando existe essa aproximação, e não sei quem fez, só prejudica o governo, para que essa interferência?”, questiona.

Fala, vice 5
Buscarini disse que o acordo selado entre a administração e oito vereadores que estavam na oposição não precisaria “ter passado” pelas mãos de Ney Santos. “A política tem que ser diferente, a gente foi eleito com outro discurso. A Câmara é muito importante, eu sei, mas nós íamos chegar a um entendimento em breve, sem interferências. Os vereadores sabem como é importante ter governabilidade para que a gente possa realizar o nosso plano de governo e eles [vereadores] também querem uma cidade melhor,a gente não ia brigar com o Legislativo como estavam pintando por aí”.

Fala, vice 6
Buscarini refuta a palavra “rompimento”, usada pela reportagem do Portal O Taboanense, quando revelou o “rompimento” entre ele e Aprígio. “Parece que a gente brigou, mas não teve nada disso, admiro muito o homem Aprígio, é uma pessoa excelente, umas das melhores que eu já conheci. Mas como político passei a ter algumas diferenças, não posso aceitar que a gente mude o discurso, mude a forma de ver a política. E por isso decidi deixar as funções administrativas que eu vinha exercendo. Se eles quisessem contar com minha experiência, teriam pedido para que eu participasse mais das decisões, mas não foi isso que aconteceu”.

Fala, vice 7
Sobre o boato que ele poderia renunciar, Buscarini soltou uma gargalhada. “Quem diz isso não sabe o que está falando, é um panaca. Um completo babaca. Fui eleito junto com o Aprígio, com um objetivo, o de melhorar a vida das pessoas, colocar Taboão da Serra no rumo do crescimento, sou vice-prefeito até 2024 e isso não irá mudar”, falou. “Eu não sou vice do Aprígio, eu sou vice-prefeito da cidade e isso não vai mudar. Meu compromisso é com a cidade”, complementa.

Fala, vice 8
 Sem revelar nomes (e talvez nem precise) Buscarini diz que teve um relacionamento “conflituoso” com pelo menos um secretário que “quer mandar mais que o prefeito” e dá um conselho: “O Aprígio precisa abrir os olhos, ver quem quer o bem desse governo, o tempo está passando e a população espera por mudanças rápida”.

Fala, vice 9
Sobre a saída de sua esposa, Adriana Barcellos, que ocupou por 35 dias a secretaria de desenvolvimento econômico, Buscarini disse que lamenta, mas a decisão [de entregar o cargo] foi correta. “Eu não faço mais parte desse governo, então não seria justo deixar ela na secretaria. Ela vinha realizando um bom trabalho, muito projetos que ela tinha e agora não serão executados, isso me deixa triste, porque vi o empenho dela, sua dedicação, mas faz parte da política”.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Fala, vice 10
Ufa… ainda tem mais: Sobre Betinho Buscarini (o sobrenome é de guerra, sem nenhum grau de parentesco, só amizade e admiração) o vice-prefeito disse que ele deve continuar no governo, atualmente ele está a frente da secretaria de planejamento. “Ele é meu amigo, mas nenhuma decisão minha foi pensada ou tomada em conjunto com ninguém, é uma decisão minha de sair do governo”.

Abre aspas
A Coluna Em Off apurou que na noite de sexta-feira, após o “rompimento”, quer dizer, após o desligamento de Buscarini do Governo, Aprígio se reuniu com assessores próximos a Buscarini e disse que “quem quiser continuar no governo, que continue. Quem quiser sair, que saia”. Simples e objetivo, como Aprígio gosta de ser.

Fala, vice 11
Apesar da situação tensa, Buscarini encontra motivos para rir. “Quando falei pra você que não houve rompimento é porque parece que houve uma briga e, convenhamos, não dá pra brigar na nossa idade, o Aprígio está com quase 70 e eu com 67”, disse às gargalhadas. “Nós tivemos uma conversa e eu cheguei a conclusão que não era possível continuar na administração”.

Fala, vice 12
Buscarini rejeita o rótulo de “oposição” e disse que não irá atrapalhar o governo. “Não é da minha personalidade, pelo contrário, torço muito pelo Aprígio, gosto muito dele e sei que é uma pessoa com muita capacidade. Amanhã se ele me chamar para um café, claro que eu vou, não quero o mal dele, pelo contrário, fizemos uma linda campanha juntos, andamos lado a lado, sei que ele tem um ótimo caráter”.

Fala, vice 13
Buscarini disse que preferiu não se pronunciar logo após o “rompimento” porque não quer “esticar” essa conversa. “Só estou falando com vocês [Portal O Taboanense] pela credibilidade, pela repercussão que a matéria teve quando vocês publicaram. Essa é uma oportunidade de deixar claro que não houve nenhuma briga com o Aprígio. Na semana que vem, se for conveniente, podemos até gravar uma outra entrevista em vídeo”, disse.

Sextou
O clima ficou pesado na prefeitura após Buscarini comunicar sua insatisfação. Mas o que pegou mal mesmo é que ele escolheu logo a sexta-feira para comunicar Aprígio da sua saída do governo. “Ele queria estragar o fim de semana do velhinho, só pode”, brincou um assessor.

Botânico
Um assessor que tentou avisar, dois dias antes, do descontentamento do vice-prefeito avisou a ACA (Alto Conselho Aprigiano): “O Buscarini não é o político samambaia, que você coloca um pouquinho de água e vai tocando a vida. Ele quer é participar”. Pelo visto seu conselho não foi ouvido.

Censura
ATENÇÃO: nota retirada pelo Departamento Jurídico do Portal O Taboanense por ter sido escrita sob efeito de entorpecente (lícito, líquido, de cor amarelada, lupado, maltado e gelado) e que poderia gerar mal estar futuro.

Debate
Nas redes sociais o “rompimento” de Aprígio e Buscarini geraram memes e comentários hilários. Um jornalista questionou: “Mas já, aos 15 do primeiro tempo?”. A resposta que veio abaixo foi exata: “não, romperam ainda no aquecimento”.

Virgens
Um jornalista de Embu das Artes comentou: “foi uma lua de mel tão rápida que acho que nem teve conjunção carnal”.

Sobreviveremos
E uma jornalista de Taboão da Serra cravou o que espera do governo Aprígio: “De tédio não morreremos”.

E enfim…
Um jornalista disse pra outro jornalista que comentou com a coluna: “São três leões brigando por um quilo de carne”, se referindo a Aprígio, Buscarini e Eduardo Nóbrega.

E tem mais
A coluna já ta grande, né não? Então durante a semana teremos uma nova edição, que tal? Bom, promessa da Em Off parece de político, nunca é cumprida. Mas é que tem tanto assunto… Só para adiantar o que vem por aí: Arlete Silva irá deixar o PTB. Sério. Aguardem a próxima coluna.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Abraços
É isso, mais uma Em Off que se vai e deixa saudades em todos. Aos nossos fiéis leitores, aquele caloroso e efusivo abraço. Abraço na sempre querida Sônia Gramacho, que faz a vida ficar mais poética. Abraços também para Mariuche Ismerin, do Shopping Taboão, para a vereadora Érica Franquini e, claro, para o vice-prefeito Buscarini que nos recebeu para a entrevista.

Mais abraços
Abraços para o nosso amigo Brazza, leitor fiel da coluna, para os jornalistas Fernando Firmino, Mário Aparecido, Márcio Cansian (do grupo Atual de Comunicação) e para sempre presente Eliseu Teixeira, do SP Repórter! Enfim, abraços na imprensa. Olhem com carinho pela Imprensa, uma cidade melhor passa pelas páginas dos jornais local.

Seja bem-vindo
Essa coluna é dedicada ao recém-nascido João Guilherme, santistinha verde… Para os papais Ricardo Lima e Carol, nossa homenagem. “Amo vocês, taboanenses” (by Renato Riso)

Divulgação
O santista João Guilherme, pra orgulho do papai jornalista

C’est fini
Amiguinhos, por hoje é só. Nos vemos em breve.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

O post Exclusivo: Buscarini fala com a Coluna Em Off e revela os bastidores da sua saída apareceu primeiro em O Taboanense.

- Advertisment -

Mais notícias

Shopping Taboão reabre no próximo domingo seguindo todas as medidas de segurança contra covid-19

Após o decreto do Governo de São Paulo determinando o fim da fase emergencial, o Shopping Taboão reabre ao público a partir do próximo...

Ney Santos inicia pagamento do Bolsa Cidadã Embuense para mais de 5 mil famílias

O prefeito Ney Santos (Republicanos) iniciou o pagamento do “Bolsa Cidadã Embuense” para mais de 5 mil famílias. O programa é destinado para a...

Taboão da Serra vacina maiores de 65 anos contra a covid-19 a partir de quinta-feira, 22

Vera Sampaio Após aplicar mais de 42 mil doses da vacina contra a Covid-19, a Prefeitura de Taboão da Serra anuncia a vacinação de maiores...

Taboão da Serra: Entregadores protestam por melhores condições de trabalho nos aplicativos

Entregadores de serviços de delivery de Taboão da Serra e região realizaram no início da tarde desta sexta-feira, dia 16, uma manifestação para pedir...