32 C
Taboão da Serra
segunda-feira, setembro 20, 2021
Início Notícias Atente-se ao vinho - ele pode estar estragado!

Atente-se ao vinho – ele pode estar estragado!

Por mais que seja consideravelmente raro abrir um vinho estragado, todo degustador assíduo está sujeito a vivenciar essa experiência desagradável pelo menos uma vez na vida. E, de acordo com o proprietário da vinícola Villa Santa Maria, Marco Carbonari, saber quais são as características de um vinho estragado pode ajudar e muito na hora de identificar se há ou não um problema com aquele rótulo.

Por isso, neste artigo, Marco Carbonari citou as principais características dos vinhos com defeitos para que, dessa forma, você evite experiências desagradáveis. Veja:

Acidez

Por mais que não seja um problema recorrente, pode acontecer, principalmente quando o produtor não se atenta aos processos de higienização. Em baixas quantidades, a acidez volátil pode ser considerada uma nota de complexidade no vinho, no entanto, Marco Carbonari explica que, quando em grandes proporções, o vinho se torna, literalmente, vinagre.

Efervescência

Marco Carbonari revela que esse problema, na maioria das vezes, não compromete a bebida, porém, algumas alterações ficam perceptíveis, como por exemplo as mudanças no aroma, que deixa de ser tão agradável e a cor da bebida, que se torna turva.

Segundo Marco Carbonari, isso acontece quando, acidentalmente, algum açúcar residual é engarrafado.

Por isso, se o vinho não deveria ser um frisante ou espumante e, mesmo assim apresentar borbulhas, com certeza a bebida está com defeito.

Vinho cozido

Trata-se do defeito mais comum e que, elucida Marco Carbonari, não é culpa do produtor. O vinho se torna ‘cozido’ ou ‘madeirizado’ quando a bebida sofre alterações drásticas na temperatura, sendo mais comum durante o transporte e a armazenagem.

Marco Carbonari conta que o vinho cozido, mesmo jovem, não apresenta o frescor característico e as notas no paladar parecem assadas, oxidadas.

Atente-se aos indicativos e evite degustar uma bebida estragada!

Quer saber mais sobre o universo dos vinhos e ainda degustar rótulos únicos e deliciosos? Marco Carbonari convida a todos a uma visita à vinícola Villa Santa Maria, localizada no Vale do Baú em São Paulo.

Para mais informações, acesse: https://villasantamaria.com.br/visita/.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais notícias

Oito cidades da Grande SP adiam aplicação da dose de reforço contra a Covid-19 após impasse sobre marca da vacina

Motivo é a divergência entre os governos federal e estadual sobre qual imunizante deve ser aplicado como terceira...

Oito cidades da Grande SP mantêm vacinação contra Covid-19 no feriado da Independência

Barueri, Embu das Artes, Francisco Morato, Guararema, Itaquaquecetuba, Santana de Parnaíba, Santo André e São Caetano do Sul...

Vias da cidade de SP e rodovias registram congestionamento na véspera do feriado de 7 de Setembro

A Artesp prevê cerca de 5,1 milhões de veículos nas principais estradas que passam pela capital paulista. Trânsito...

Princesa das tintas, conheça a Syrah

A uva Syrah é tida como uma das castas mais antigas que existem. Marco Antonio Carbonari explica que,...