O CEO da Apple, Tim Cook, adiantou que os colaboradores da empresa poderão continuar trabalhando a partir das respectivas casa até o início de 2021, estendendo assim os planos iniciais de trabalho remoto que haviam sido estabelecidos pela empresa tecnológica.

Segundo a Bloomberg, apesar de Cook esperar que as equipes da Apple regressem aos escritórios no começo do próximo ano, há a noção de que esta volta “dependerá do sucesso de uma vacina ou de tratamentos”.

Vale lembrar que no final de maio surgiram rumores de que a Apple havia pedido a determinados trabalhadores para regressarem aos escritórios, sobretudo aos que estão associados a produtos e projetos ainda não anunciados.